Moradores da comunidade Santos Anjos em Ji-Paraná promoverão protesto contra a rodovia do queijo suíço - Giro Central
 

Moradores da comunidade Santos Anjos em Ji-Paraná promoverão protesto contra a rodovia do queijo suíço

por: Ronan Almeida Noticias
moradores-da-comunidade-santos-anjos-em-ji-parana-promovera-protesto-contra-a-rodovia-do-queijo-suico
Condições da rodovia RO-135 estão caóticas

Moradores da comunidade Santos Anjos, da Gleba G, de Ji-Paraná, estão programando para amanhã (dia 12.01.2017), a partir das 08:00 horas, em frente à Igreja Católica, um protesto contra as péssimas condições de trafegabilidade da rodovia RO-135, conhecida como a estrada do “queijo suíço”, em razão de milhares de buracos existentes no trecho de 42 km que liga Ji-Paraná até ao trevo da BR-429, entre a cidade de Presidente Médici à Alvorada D´oeste, passando pelo distrito de Nova Londrina.

 

Devido aos milhares de buracos que transformaram a rodovia num queijo suíço, os proprietários de veículos estão utilizando outro trecho para chegar ou sair de Ji-Panará, e usam a BR-364, sentido Presidente Médici, para passar pela cidade de Alvorada D´oeste e seguir a viagem a outros municípios do Vale do Guaporé, como São Miguel do Guaporé, Seringueiras, São Francisco do Guaporé e Costa Marques, o que aumenta a distância em até 60 km.

 

A rodovia do “queijo suíço” recebe todo ano investimento do governo estadual, por meio do DER, porém a cada ano, a situação vai piorando porque os serviços não são bem executados, o que explica a atual situação dessa rodovia, que está sendo a pior em todo o Estado de Rondônia. Os moradores informam que a rodovia precisa ser reconstruída, ou seja, não adianta fazer “meia sola” porque é gastar dinheiro público sem nenhuma necessidade.

 

A comunidade Santos Anjos e os moradores do distrito de Nova Londrina são os mais prejudicados porque como os usuários de veículos estão utilizando a BR-364 para sair e chegar até Ji-Paraná, agora eles evitam passar pela rodovia que cruza esses dois povoados, levando muitos comerciantes e agricultores a sofrerem prejuízos porque não conseguem comercializar seus produtos. Caso o governo estadual não tome medidas urgentes para iniciar serviços de reverter a situação da rodovia, os moradores prometem interditar a estrada por tempo indeterminado e vão fazer panfletos que serão distribuídos à população informando os nomes dos deputados estaduais, federais e senadores que se elegeram com votos da moradores localizados na comunidade Santos Anjos e no distrito de Nova Londrina, como forma de protesto contra os parlamentares da região que fizeram várias pomesas de trabalhar em favor da recuperação da rodovia do "queijo suíço".

Texto: Ronan Almeida de Araújo é proprietário do site Giro Central e jornalista registrado no Ministério do Trabalho sob o número 431/98/RO.